10 livros em inglês para te ajudar a dominar o idioma

Se você, assim como eu e muitas outras pessoas, está em busca de se aperfeiçoar no inglês, essas dicas de livros podem mudar sua vida!

Ler é uma ótima maneira de adquirir vocabulário e avaliar o seu grau de compreensão do idioma, além de ser um passatempo excelente.

Seja em português, em inglês ou qualquer outro idioma que você queira aprender, sempre procure por livros, eles podem te ensinar muito!

Quer se jogar na leitura e aproveitar essas grandes obras-primas? Aproveite!

Qual estilo de leitura é mais adequado para quem quer aprender inglês?

Existem vários níveis de entendimento da língua e dentro desses níveis, leituras mais adequadas.

Se você não possui nenhum conhecimento de inglês, não é indicado que comece já por um livro, pois seu aproveitamento será próximo do zero.

Você é muito iniciante nos estudos do inglês? Não tem problema!

Fizemos uma lista de webcomics que você pode ler de graça e pelo celular (se preferir) e assim começar a treinar seu entendimento.

Agora se você já tem um nível básico e está no caminho para o nível intermediário, os primeiros livros dessa lista são para você!

Foram selecionados livros com uma leitura mais fácil, sem tantas palavras inventadas que podem te confundir e atrasar sua leitura.

Eu sempre recomendo começar pelos livros young adult, os famosos livros para adolescentes.

São livros que abordam temas diversos, desde biografias até ficção científica, romances e livros épicos.

Escolha um estilo que mais se aproxima do que você gosta e pesquise os autores.

Se você não souber como fazer isso, escolha um livro que você já leu ou que foi indicado para você. Pesquise sobre ele, veja se é classificado como young adult.

Dicas para aproveitar melhor sua leitura

Antes de começar a lista, separei algumas dicas para te ajudar a tirar o maior proveito possível da sua leitura:

1. Identifique o seu nível

Entenda o quanto você domina o idioma.

Você é iniciante, intermediário, avançado ou fluente?

Você é iniciante se não tem muito conhecimento do idioma, não consegue se expressar e não possui muito conhecimento de vocabulário.

Você é intermediário se consegue entender ou criar textos simples, sabe se comunicar no idioma e seu vocabulário já te permite engajar em conversas simples com nativos da língua.

Você é avançado se consegue argumentar, acompanhar e entender diálogos em inglês, assiste filmes sem precisar de legendas e não precisa mais pensar muito antes de expressar sua opinião no idioma.

A fluência é quando você já está completamente ambientado no idioma, sua comunicação é espontânea e você é capaz de compreender com facilidade tudo o que lê e escuta.

2. Anote tudo o que precisar

Durante sua leitura, anote palavras cujo significado você quer aprender ou expressões desconhecidas que você precisa entender o sentido.

Anote novas palavras que você nunca tinha lido antes, mesmo que já tenha entendido o seu uso.

Para tornar a experiência mais completa, anote também o raciocínio que você utilizou para entender o contexto geral do texto, mesmo quando não tiver entendido todas as palavras ou expressões.

3. Evite consultar o dicionário o tempo todo

Mesmo que você não tenha entendido certas palavras ou expressões, anote-as para consulta futura mas permaneça no texto, assim seu cérebro pode tentar criar conexões de contexto e você pode conseguir entender o que está escrito sem precisar da tradução.

Pode ser difícil no começo, mas depois de um tempo você vai perceber como sua leitura ficará mais fluída e seu entendimento das frases será mais fácil.

Sempre que possível, utilize dicionários monolíngues, aqueles que te darão o contexto da palavra e não sua tradução direta.

Eu indico o dicionário de Cambridge, que é bem completo e te dá exemplos de uso e contexto para palavras e expressões.

Agora que você já sabe qual é o estilo de leitura mais adequado para aprender inglês, vamos à lista de livros indicados para você aprender e exercitar seu conhecimento nessa língua.

The Little Prince

"Le Petit Prince" ou "O Pequeno Príncipe" é uma obra do escritor, ilustrador e aviador francês Antoine de Saint-Exupéry, publicada em 1943 nos Estados Unidos.

The Little Prince de Antoine de Saint-Exupéry
"The Little Prince" de Antoine de Saint-Exupéry

Durante a Segunda Guerra Mundial, Antoine foi exilado para a América do Norte.

O autor passou por experiências no Deserto do Saara e escreveu um livro de memórias sobre essa época.

Há uma teoria que diz que ele usou estas experiências como base para o livro "The Little Prince".

É uma das obras literárias mais traduzidas e conhecidas do mundo.

Ela é indicada para crianças e adultos, considerada atemporal e um clássico da literatura.

“And now here is my secret, a very simple secret: It is only with the heart that one can see rightly; what is essential is invisible to the eye.”

The Lion, the Witch and the Wardrobe

Em português conhecido como "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa" é um romance de fantasia para crianças de C. S. Lewis, publicado por Geoffrey Bles em 1950.

É o primeiro e mais conhecido de sete romances em "As Crônicas de Nárnia" (1950-1956).

Embora tenha sido originalmente o primeiro livro de "As Crônicas de Nárnia", é o volume dois das edições recentes que são sequenciadas pela cronologia das histórias.

The Lion, the Witch and the Wardrobe de C.S. Lewis
"The Lion, the Witch and the Wardrobe" de C.S. Lewis

"The Lion, the Witch and the Wardrobe" conta a história de quatro crianças inglesas que são transferidas para uma grande casa de campo antiga após uma evacuação durante a guerra.

A mais jovem, Lucy, visita Nárnia três vezes através da magia de um guarda-roupa em um quarto de hóspedes.

Os três irmãos de Lucy estão com ela em sua terceira visita à Nárnia. Em Nárnia, os irmãos parecem cumprir uma antiga profecia e se aventuram para salvar Nárnia e suas próprias vidas.

“Wrong will be right, when Aslan comes in sight,
At the sound of his roar, sorrows will be no more,
When he bares his teeth, winter meets its death,
And when he shakes his mane, we shall have spring again.”

Wonder

No Brasil conhecido como "Extraordinário" é um romance infantil escrito por Raquel Jaramillo, sob o pseudônimo R. J. Palacio.

Publicada em 14 de fevereiro de 2012, conta a história de Auggie Pullman, um garoto que sofre da síndrome de Treacher Collins, que causa deformação facial.

Wonder de R.J. Palacio
"Wonder" de R.J. Palacio

Palacio escreveu "Wonder" após um incidente onde ela e seu filho, então com três anos de idade, estavam em uma fila para comprar sorvete quando a criança viu uma menina com deformidades faciais e começou a chorar.

Ela tentou controlar a situação e foi para longe com seu filho para não chatear a menina ou a família dela, mas isto acabou piorando a situação.

Após ouvir a canção "Wonder" de Natalie Merchant, ela se deu conta de que o incidente poderia ensinar uma lição à sociedade, e assim começou a escrever o livro, que leva o nome da canção.

“If every person in this room made it a rule that wherever you are, whenever you can, you will try to act a little kinder than is necessary - the world really would be a better place. And if you do this, if you act just a little kinder than is necessary, someone else, somewhere, someday, may recognize in you, in every single one of you, the face of God.”

Alice's Adventures in Wonderland

No Brasil conhecido como "As aventuras de Alice no País das Maravilhas" (abreviado para "Alice no País das Maravilhas") é um romance de 1865 do autor inglês Lewis Carroll (o pseudônimo de Charles Dodgson).

Alice’s Adventures in Wonderland de Lewis Carroll
"Alice’s Adventures in Wonderland" de Lewis Carroll

Conta a história de uma jovem chamada Alice, que cai de uma toca de coelho em um mundo subterrâneo de fantasia povoado por criaturas peculiares. É considerado um dos melhores exemplos do gênero literário sem sentido.

O conto brinca com a lógica, dando à história popularidade duradoura tanto com adultos quanto com crianças.

"Alice’s Adventures in Wonderland" é uma das obras mais conhecidas e populares de ficção de língua inglesa, sua narrativa, estrutura, personagens e imagens foram enormemente influentes na cultura e literatura popular, especialmente no gênero de fantasia.

“If I had a world of my own, everything would be nonsense. Nothing would be what it is, because everything would be what it isn't. And contrary wise, what is, it wouldn't be. And what it wouldn't be, it would. You see?”

The Perks of Being a Wallflower

Conhecido como "As Vantagens de Ser Invisível" no Brasil.

É um romance epistolar do escritor norte-americano Stephen Chbosky. Publicado pela primeira vez nos Estados Unidos em 1 de fevereiro de 1999.

The Perks of Being a Wallflower de Stephen Chbosky
"The Perks of Being a Wallflower" de Stephen Chbosky

Narrado na primeira pessoa por um adolescente que se autodenomina "Charlie", a trama acompanha diversas cenas da vida do rapaz através de cartas escritas por ele a uma pessoa anônima.

O romance aborda temas como introversão, sexualidade, uso de drogas e outros assuntos comuns na adolescência.

Além disso, conforme a história avança, também são mencionadas diversas obras da literatura, do cinema e da cultura pop em geral e discutidos seus significados.

"The Perks of Being a Wallflower" é um livro muito sensível e profundo, que te prende e te faz devorá-lo.

Foi muito difícil escolher apenas um trecho do livro para esse artigo, ele é recheado de boas frases e lições.

“So, this is my life. And I want you to know that I am both happy and sad and I’m still trying to figure out how that could be.”

Maybe Someday

Traduzido para o Brasil como "Talvez um Dia", este é mais um sucesso arrebatador de Colleen Hoover lançado em 2014.

Maybe Someday de Colleen Hoover
"Maybe Someday" de Colleen Hoover

"Maybe Someday" conta a história de Sydney, que acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex-melhor amiga.

Ela tinha um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento e tudo estava bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava tinham um caso.

Sydney encontra abrigo na casa de Ridge, um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo.

O livro além de muito delicado, aborda assuntos como relacionamentos, limitações físicas e conta com uma playlist com todas as músicas compostas pelos protagonistas.

“How ever, I've learned that the heart can't be told when and who and how it should love. The heart does whatever the hell it wants to do. The only thing we can control is whether we give our lives and our minds the chance to catch up to our hearts.”

Perfect Chemistry

No Brasil como "Química Perfeita", é um livro da autora Simone Elkeles lançado em 2008.

Foi o primeiro livro que eu li em inglês, então tenho um carinho especial por ele!

Perfect Chemistry de Simone Elkeles
"Perfect Chemistry" de Simone Elkeles

"Perfect Chemistry" conta a história de Brittany e Alex, que são de mundos opostos: ela é a menina perfeita com um futuro brilhante pela frente, ele o membro de uma gangue perigosa que não tem nada a perder.

Os dois não teriam nenhum contato um com o outro, se não tivessem sido forçados a ser parceiros nas aulas de química do último ano do Ensino Médio.

Alex sabe que qualquer relação que Brittany tenha com ele pode colocar em risco sua reputação impecável de boa aluna e namorada dedicada e, por orgulho e diversão, aposta com os amigos que consegue fazer com que ela saia com ele.

É um romance adolescente bem fácil de ler, com palavras simples e sem grandes reviravoltas que podem deixar um leitor não acostumado com a língua um pouco confuso.

“[Life] It is what you make it. If you think you can't change the world, then go on and follow the path already carved out for you. But there are other roads to choose, they're just harder to trudge through. Changing the world isn't easy, but I sure as hell am going to keep trying. Are you?”

The Grownup

"O Adulto" no Brasil, é um “curto” livro da autora Gillian Flynn lançado em 2015 e vencedor de um Edgar Award.

É uma homenagem às clássicas histórias de terror.

The Grownup de Gillian Flynn
"The Grownup" de Gillian Flynn

Com apenas 64 páginas, "The Grownup" conta a história de uma jovem que ganha a vida praticando pequenas fraudes.

Seu principal talento é a capacidade de dizer às pessoas exatamente o que elas querem ouvir, e sua mais recente ocupação consiste em se passar por vidente, oferecendo o serviço de leitura de aura para donas de casa ricas e tristes.

É uma leitura um pouco mais pesada do que os indicados anteriores, mas por ser super curto é mais fácil de ler.

“I heard you could do that — buy books by the yard, turn them into furniture. People are dumb. I’ll never get over how dumb people are.”

Do renomado autor James Patterson em parceria com Howard Roughan, o livro foi lançado em 2010.

Don't Blink de James Patterson e Howard Roughan
"Don't Blink" de James Patterson e Howard Roughan

"Don’t Blink" conta a história de Nick Daniels, um repórter que está fazendo uma entrevista quando um assassinato acontece.

“Afaste-se ou morra” é a mensagem clara que Nick recebe enquanto investiga uma história própria. Indiferente e talvez apaixonado por sua bela editora, Nick suporta humilhação, ameaças, violência e coisas piores em um thriller que supera todas as expectativas.

Este é um livro com palavras fáceis mas com enredo mais pesado, indicado para quem já está no nível intermediário a avançado.

O autor James Patterson tem uma série de livros mais voltada ao público adolescente que também vale muito a pena conferir!

“The truth will set you free, it's the little white lies that'll save your ass.”

Pride and Prejudice

O último livro da nossa lista é um dos maiores clássicos da literatura inglesa.

"Pride and Prejudice" foi escrito pela autora Jane Austen, lançado em 1813.

Pride and Prejudice de Jane Austen
"Pride and Prejudice" de Jane Austen

O romance segue o desenvolvimento da personagem de Elizabeth Bennet, a protagonista dinâmica do livro que aprende sobre as repercussões de julgamentos precipitados e passa a apreciar a diferença entre a bondade superficial e a bondade real.

Seu humor está em sua descrição honesta de boas maneiras, educação, casamento e dinheiro durante a era da Regência na Grã-Bretanha.

Orgulho e Preconceito tem aparecido consistentemente perto do topo das listas dos "livros mais amados" entre os estudiosos da literatura e o público leitor.

Tornou-se um dos romances mais populares da literatura inglesa, com mais de 20 milhões de cópias vendidas, e inspirou muitos derivados da literatura moderna.

Ele fecha nossa lista como um livro leve, lindo e muito divertido de ler, que é indicado para quem já tem familiaridade com a leitura de livros em inglês, por possuir palavras mais formais e não ser um livro coloquial.

É um dos meus livros favoritos, vale muito a pena ler!

“There are few people whom I really love, and still fewer of whom I think well. The more I see of the world, the more am I dissatisfied with it; and every day confirms my belief of the inconsistency of all human characters, and of the little dependence that can be placed on the appearance of merit or sense.”

Se você gostou dessa lista escreva para nós, deixe seu feedback! Se quiser mais sugestões, mande-nos uma mensagem que podemos fazer uma parte dois dessa lista.

Os livros em inglês dessa lista são para ajudar você a dominar o idioma e também se divertir com um passatempo instrutivo e divertido.


É sempre muito bom receber indicações de leitura, se você quiser mais dicas, assine nossa Newsletter e receba conteúdos sobre métodos de aprendizagem, outras indicações de leitura e dicas para melhorar seus estudos.

Baixe grátis:Organize & Estude melhorSem fórmulas prontas ou dicas rasas, descubra como criar um método de organização próprio e definitivo para melhorar seus estudos imediatamente.BAIXAR AGORA
Capa eBook
Continue aprendendo
Como aprender a aprender: conheça o meta-aprendizado e descubra como ele pode ajudar você

Não chega a ser um atalho, mas faz você chegar mais rápido.

Aprendizagem
Tudo o que você já quis saber sobre o Quociente de Inteligência (QI)

Você já se perguntou como se mede a inteligência? Já quis saber o seu QI? Neste artigo estão todas as respostas para as suas perguntas sobre o Quociente de Inteligência.

Aprendizagem