Como escolher uma pós-graduação: entenda a diferença entre stricto sensu e lato sensu e descubra qual é a melhor opção para você

Início de um novo ciclo

Quando terminamos a graduação, somos tomados por um misto de satisfação, conquista de liberdade e medo.

Medo porque na maioria das vezes não nos sentimos preparados para embarcar em novas aventuras, seja no mercado de trabalho, seja na continuação dos estudos.

É normal e todo mundo se vê diante de uma encruzilhada: o que fazer após a graduação?

A escolha mais sensata vai depender dos seus objetivos, é claro. Não há uma única resposta para essa pergunta.

Mas, para te ajudar nessa escolha, hoje vou falar um pouco sobre os tipos de pós-graduação.

Assim, você pode analisar se alguma delas está de acordo com seus objetivos.

Lembre-se que sem um objetivo em mente, qualquer caminho escolhido estará certo. Afinal, para quem não sabe onde vai, qualquer caminho serve…

Por isso, antes de iniciar a leitura desse artigo, sugiro que você reflita alguns instantes sobre onde quer estar nos próximos 5 anos.

Sabendo qual é seu objetivo e suas metas de vida, hora de descobrir qual dos tipos de pós-graduação melhor se encaixa nos teus planos. Vamos lá?

Acadêmicos na colação de grau com beca e chapéu.
Após a colação de grau superior, hora de escolher o caminho a ser seguido!

Neste artigo você vai conferir:

Diferenças entre Pós-Graduação Stricto Sensu e Lato Sensu
Pós-Graduação Stricto Sensu
Pós-Graduação Lato Sensu

Espécies de Pós-Graduação Stricto Sensu
O que é Mestrado Acadêmico?
O que é Mestrado Profissional?
O que é Doutorado?
O que é Pós-Doutorado?

Espécies de Pós-Graduação Lato Sensu
O que é MBA?
O que é Especialização?

E agora, o que fazer após a graduação?

Diferenças entre PhD, L.L.M e MSc
O que é PhD?
O que é L.L.M?
O que é MSc?

Diferenças entre Pós-Graduação Stricto Sensu e Lato Sensu

Terminou ou está em vias de terminar a graduação e não se sente preparado para o mercado de trabalho?

Não se preocupe! Você com certeza não está sozinho.

Dificilmente saímos da graduação nos sentindo preparados para atuar.

Para isso, podemos contar com a experiência de outros profissionais para nos ensinarem o ofício ou buscar uma formação complementar.

Existem em nosso país dois tipos de pós-graduação: a stricto sensu e a lato sensu.

Para entender qual dos tipos de pós-graduação é a mais adequada aos seus objetivos, vou explicar agora as diferenças entre pós-graduação stricto sensu e lato sensu.

Pós-Graduação Stricto Sensu

A primeira coisa que você deve entender é que uma pós-graduação stricto sensu é voltada para o aspecto acadêmico das áreas profissionais.

O mestrado e o doutorado são os dois tipos mais populares de pós-graduação stricto sensu que temos disponíveis.

Embora exista entre elas uma hierarquia pelo grau conferido, o mestrado não é pré-requisito para o doutorado, como veremos adiante.

Um dos objetivos deste tipo de pós-graduação é aprofundar os conhecimentos teóricos de forma que o aluno consiga desenvolver ideias originais e assim, alcançar o status de pesquisador, tornando-se autoridade no assunto.

Por esse motivo, é indicado para quem pretende seguir carreira acadêmica e desenvolver conhecimentos e produções científicas.

Ou seja, mestrado e doutorado, que são pós-graduações stricto sensu, servem para formação de professores e pesquisadores acadêmicos.

Pós-Graduação Lato Sensu

A pós-graduação lato sensu é voltada para a qualificação do profissional para o mercado de trabalho.

Esses cursos são focados no ganho de prática e no estudo de técnicas que ajudarão o profissional no dia a dia de trabalho.

Tem, portanto, uma abordagem muito mais prática.

É indicado para quem procura se destacar no mercado por dominar uma área específica de atuação, desenvolver suas experiências, aprimorar conhecimentos e enriquecer o currículo.

Também são apropriados para quem está fora do mercado de trabalho e precisa se atualizar.

As duas espécies de pós-graduação lato sensu são especialização e MBA.

Em resumo:

Tabela demonstrando as diferenças entre os tipos de pós graduação, resumindo o texto acima.

Vejamos agora as particularidades de cada espécie dos tipos de pós-graduação.

Espécies de Pós-Graduação Stricto Sensu

Mestrado Acadêmico

O mestrado acadêmico é recomendado para quem queira se tornar professor e lecionar, tanto no ensino fundamental e médio, quanto no ensino superior.

No mestrado, o aluno se dedica a um assunto de seu interesse e aprende sobre práticas educativas.

Para isso, precisa desenvolver competências necessárias à transmissão de um conhecimento de grande complexidade intelectual.

O aluno do mestrado se dedica à pesquisa científica sobre o assunto, frequenta aulas da área de atuação, metodologias de pesquisa, pedagogia e didática.

Ao finalizar o mestrado, apresentando sua dissertação de acordo com os critérios de cada instituição, o aluno se torna Mestre na área em que cursou, tornando-se autoridade no assunto.

Embora tenha uma excelente abordagem, o mestrado acadêmico é pouco valorizado no mercado de trabalho.

Por isso é mais indicado para aqueles que pretendem seguir carreira acadêmica.

Mestrado Profissional

Menos popular que o mestrado acadêmico, o mestrado profissional apresenta, na maioria das vezes, a mesma estrutura de tempo, metodologia de pesquisa e avaliação.

Todavia, difere-se do acadêmico em sua abrangência e aplicação.

Isso porque sua abordagem ultrapassa as fronteiras acadêmicas e inclui estudos, técnicas e conceitos que podem ser inseridas no mercado de trabalho.

Assim, ao concluir o mestrado profissional, o aluno pode tanto se dedicar à docência quanto se capacitar profissionalmente para atuar em empresas públicas ou privadas.

O formado em mestrado profissional tem a autonomia necessária para continuar sua pesquisa, mas não tem tanto esse compromisso, diferente do que ocorre no mestrado acadêmico.

Durante a formação, seus esforços são direcionados ao conhecimento prático de sua área e seus estudos miram na aplicação do saber, tornando-o mestre profissional no seu campo de atuação.

Doutorado

O doutorado exige que o pesquisador já tenha um certo amadurecimento de ideias e métodos de pesquisa.

Não é necessário ter cursado mestrado antes do doutorado.

Embora seja muito comum seguir a trilha graduação – mestrado – doutorado, essa não é uma exigência.

Não existe ordem para se fazer pós-graduação, sendo esse inclusive, um conhecimento equivocado difundido no meio acadêmico.

Assim, é perfeitamente possível cursar o doutorado logo após a graduação, sem ter feito antes um mestrado.

Mas para isso, a instituição de ensino deve considerar muito relevante a proposta de pesquisa do candidato a aluno.

E, também, a maior parte das escolas prefere que se tenha o título de mestre.

Por isso, o caminho "natural" seguido pela grande maioria dos alunos é primeiro fazer um mestrado, para só depois partir para o doutorado.

O que faz sentido, pois, ao seguir essa sequência, o aluno pesquisador se sente mais     seguro em elaborar seus conhecimentos e mais pronto para ofertar à comunidade acadêmica e social a sua tese e suas aplicações.

Diferente do mestrado, no doutorado o aluno deve desenvolver uma nova hipótese ou ideia e defendê-la em uma tese perante uma banca altamente qualificada.

Pós-Doutorado

O pós-doutorado é um estágio de estudos e pesquisas cumprido após o doutorado, realizado por recém-doutores com menos de 10 anos desde a defesa de tese.

No pós-doutorado não há necessidade de cursar disciplinas ou defender algum tipo de tese. Ele está voltado exclusivamente à pesquisa.

Nesse estágio, o recém-doutor irá aprofundar os seus conhecimentos em um determinado tema de pesquisa, normalmente seguindo a mesma linha do doutorado.

O período de duração, no Brasil, é de no máximo 2 anos.

Espécies de Pós-Graduação Lato Sensu

MBA

O curso de Master of Business Administration (MBA) é indicado para os profissionais que já estão há algum tempo no mercado e visam a promoção a altos cargos.

Voltado à aquisição de network e know-how sobre gestão de pessoas, projetos e negócios, o MBA prepara o aluno para atuar em altos cargos dentro de uma empresa e ser o responsável por tomadas de decisão.

Especialização

Na especialização, o aluno aprimora seus conhecimentos dentro de uma área específica do seu campo de atuação.

Permite que o aluno  aprenda a aplicar diferentes abordagens, interpretações e resoluções de problemas no dia a dia de sua atuação profissional, além de buscar soluções práticas relacionadas ao conteúdo estudado.

E agora, o que fazer após a graduação?

Ao sair da graduação, estamos sedentos por novas experiências e, por vezes, metemos os pés pelas mãos.

Neste momento, é preciso ter calma e planejamento para decidir o que fazer após a graduação.

Você precisa pesquisar sobre os cursos que têm interesse e avaliar qual se alinha melhor aos seus objetivos.

Também é preciso traçar um planejamento financeiro, pois a não ser que você consiga alguma vaga em instituição pública ou algum tipo de bolsa, fazer uma pós-graduação vai precisar de investimento.

E o tamanho desse investimento vai variar muito a depender do tipo do curso escolhido.

Por experiência própria, sei que as especializações são muito mais viáveis financeiramente para quem está começando uma carreira.

No entanto, é preciso ter calma ao emendar uma pós-graduação logo depois do término da graduação.

Tanto para os cursos de MBA, quanto para as especializações, é aconselhado que você tenha alguma experiência no mercado de trabalho, ainda que breve.

Isso porque nas aulas serão levados cases para serem debatidos entre os alunos e professores, e se você ainda não teve nenhuma dessas vivências não será capaz de absorver todo o conteúdo transmitido em sala de aula.

Já se tratando de mestrado, mestrado profissional e doutorado, não há obstáculos para que emende um após o outro após a graduação.

Assim sua formação está sendo feita de forma ascendente, da graduação até o doutorado, de modo que não é preciso uma vivência prévia em docência e pesquisa, já que é justamente isso que você aprenderá.

Diferença entre PhD, L.L.M e MSc

O que é PhD?

Ph.D é uma abreviação de "Philosophy Doctor" e é um título concedido a pessoas que atingem o nível acadêmico mais alto em sua área de estudo.

Apresenta o mesmo grau que o doutorado tem no Brasil.

Refere-se a um tipo específico de doutorado, com foco em pesquisa, se diferenciando, assim, de outros doutorados oferecidos no exterior, como:

  • D.B.A. – Doctorate in Business Administration (Doutorado em Administração de Empresas) – Foco Profissional
  • Ed.D. – Education Doctorate (Doutorado em Educação) – Foco Profissional ou Acadêmico
  • J.D. – Juris Doctor (Doutorado em Leis) – Foco Profissional
  • M.D. – Medical Doctor (Doutorado em Medicina) – Foco Profissional
  • Th.D. – Theology and Religious Studies Doctorate (Doutorado em Teologia e Estudos da Religião) – Foco Acadêmico

Os doutorados com foco profissional são orientados à prática.

Já os que possuem foco acadêmico, assumem uma abordagem mais teórica, e têm por objetivo avançar o conhecimento existente em determinada área.

O que é L.L.M?

Latin Legum Magister, Master of Laws ou, simplesmente, L.L.M é a modalidade de pós-graduação, internacionalmente reconhecida, voltada à carreira jurídica.

É geralmente um programa de tempo integral ao longo de um ano.

Na maioria dos casos, não é necessário ter um diploma de Direito para ser admitido e o programa não fornece uma certificação oficial para exercer a advocacia.

Enquanto a graduação em Direito oferece uma visão geral de todas as habilidades básicas necessárias para se tornar um advogado, um L.L.M possibilita a oportunidade de se especializar em um assunto muito particular.

O que é MSc?

Master of Science (MSc) é um termo em inglês referente ao grau de mestre de pós-graduação acadêmica, concedido por universidades em vários países.

Refere-se ao detentor do grau de Mestre em Ciências ou simplesmente Mestre.

Este grau é normalmente outorgado para graduados em programas de pós-graduação na modalidade mestrado stricto sensu em ciências, engenharias ou medicina.

É mais focado em assuntos de ciência e matemática.

E aí, restou alguma dúvida quanto aos tipos de pós-graduação? Se sim, deixe aqui nos comentários que vamos responder a todas elas!

Baixe grátis:Como tornar seus estudos mais produtivosAprenda mais, estudando menos! Descubra como aumentar a qualidade dos seus estudos e melhorar a sua produtividade de maneira simples e eficiente.BAIXAR AGORA
Capa eBook
Continue aprendendo
Conheça os 3 tipos de graduação e saiba como escolher a melhor para você!

Entenda as diferenças entre bacharelado, licenciatura e tecnólogo. Conheça os tipos de graduação e descubra qual é a melhor para você!

Estudos
Not-to-do list: entenda o que atrapalha você e pare de procrastinar agora mesmo

Faça uma lista de coisas que atrapalham sua produtividade e pare de procrastinar de uma vez por todas, mudando seus hábitos com a not-to-do list.

Soft Skills