Por que você precisa criar hábito de aprender coisas novas o mais rápido possível


Conheço muita gente que fica admirada com minha disposição em aprender coisas novas e estudar.

Comentários como “queria ser assim”, “me ensina a gostar de estudar”, “um dia eu aprendo a ser assim” são recorrentes e, apesar da boa intenção das pessoas que o fazem, na verdade eles me deixam muito preocupada.

É difícil entender como pessoas que realmente têm interesse em aprender coisas novas, ficam travadas em suas respectivas zonas de conforto, arrumando desculpas para não darem o primeiro passo.

Será medo, preguiça ou ignorância? Ou, quem sabe, uma combinação disso tudo? Não sei dizer.

O que eu sei é que aprender coisas novas só tem benefícios e que despertar o seu interesse pelos estudos e aprendizagem é muito mais simples do que você imagina!

Neste artigo eu vou ensinar você a criar interesse por aprender coisas novas e desenvolver o hábito de aprender. Preparado? Então, vamos lá.

Por que aprender coisas novas é tão importante
Aprenda quem é você e o que você quer para sua vida
Olhe ao seu redor e perceba o mundo em que vive
Identifique quais são suas travas para aprender coisas novas
Destrave-se!
Como tornar o aprendizado de coisas novas um hábito
Dica #1: Aprenda enquanto procrastina
Dica #2: Escreva
Dica #3: Converse, ensine e aprenda
Dica #4: Mude sua rotina
Dica #5: Leia antes de dormir
Dica #6: Use e abuse do tradutor on-line
20 ideias de coisas novas para você aprender ainda hoje

Por que aprender coisas novas é tão importante

Você já se perguntou por que aprender coisas novas é tão importante?

Eu já. E então, fui atrás de uma resposta. Foi assim que descobri a importância que aprender coisas novas tem para o cérebro.

Quando aprendemos algo novo, nossos neurônios fazem novas conexões entre eles e reforçam as conexões já existentes.

Imagine que o nosso cérebro seja um matagal fechado, com algumas trilhas no meio. Quando aprendemos algo novo, é como se fôssemos abrindo novas trilhas ou ampliando as já existentes.

Assim, aumentam nossas possibilidades de caminhar em meio a este matagal, ampliando a quantidade de caminhos que podemos trilhar.

É isso que acontece em nosso cérebro quando aprendemos coisas novas: abrimos novos caminhos para o pensamento.

Dessa forma, mantemos nossa mente ativa. Aprender coisas novas é como malhar o cérebro.

O que, na prática, isso significa?

Significa que, além de aumentar nossa inteligência e arcabouço cultural, quando aprendemos coisas novas, somos capazes de reagir mais rapidamente às coisas à nossa volta, formar opinião com base sólida, além de melhorar nossa autoestima e confiança.

Além dos benefícios que isso tem para nosso cérebro, aprender coisas novas também é uma forma de escaparmos um pouco da rotina.

Para muitas pessoas, por exemplo, desenvolver novas habilidades foi uma forma de escape durante a pandemia do Covid-19. É o que as manteve sãs.

Então, agora você sabe por que aprender coisas novas é tão importante.

Quer saber como ter interesse em aprender coisas novas? Continue lendo! Ao final, darei 6 dicas para criar esse ótimo hábito e 20 ideias de coisas novas para você aprender ainda hoje!

Aprenda quem é você e o que você quer para sua vida

Para criar e cultivar seu interesse em aprender coisas novas, antes de mais nada, você precisa identificar quais são os assuntos de que você gosta e quais habilidades lhe seriam úteis e prazerosas de aprender.

Afinal, é difícil nos dedicarmos àquilo que não gostamos, não é mesmo?

Por isso, o primeiro passo é fazer um exercício de autoconhecimento. Exatamente como disse Sócrates certa vez:

“Conhece-te a ti mesmo e conhecerás todo o universo e os deuses, porque se o que procuras não achares primeiro dentro de ti mesmo, não acharás em lugar algum”.

Assim, para criar o hábito de aprender coisas novas, é muito importante que você conheça quais são seus gostos e saiba o que quer para sua vida (ou pelo menos tenha uma ideia sobre qual direção quer seguir).

Dessa forma, você conseguirá guiar seu aprendizado para coisas que importam para você, que fazem sentido para seus objetivos e encaixem nos seus planos.

Logo, o interesse em aprender coisas novas surgirá naturalmente, porque se demonstrará necessário ao seu projeto de vida e à sua felicidade.

Olhe ao seu redor e perceba o mundo em que vive

Depois de olhar para dentro de si e entender quais são suas afinidades e objetivos, olhe ao seu redor.

O que as pessoas com as quais você convive estão fazendo? O que elas podem te ensinar? Qual é o hobby dos seus amigos? O que você pode aprender com seus pais?

Foto de 3 amigos rindo em frente a um computador em uma biblioteca para aprender coisas novas
Photo by Priscilla Du Preez on Unsplash

O mundo que nos cerca está repleto de conhecimento que pode nos ser transferido.

Há fatos interessantes de se conhecer por todos os lados: no restaurante que você vai com sua família, no parque da sua cidade, dentro da sua casa, na sua TV, no seu computador.

Onde quer que você olhe, pode enxergar algo a ser aprendido.

Portanto, desligue o piloto automático e olhe ao seu redor. Escute as pessoas que vivem ao seu lado, aprenda com elas e ensine o que sabe.

Perceba que um ovo frito é muito mais que um ovo frito, se você se interessar. Ele pode se tornar um conhecimento adquirido. Você sabe quantas formas de preparar uma omelete existem?

Pergunte-se diariamente: o que eu posso aprender hoje? Seja um novo prato, uma história sobre algo, uma curiosidade. Interaja com o ambiente que cerca você.

Você vai se impressionar com a quantidade de coisas do seu dia a dia que podem te ensinar algo novo.

Se você quer aprender como aprender a fazer coisas novas, não deixe de ler esse artigo até o final. Garanto que valerá a pena!

Identifique quais são suas travas para aprender coisas novas

Se você já teve interesse em aprender algo novo, mas por alguma razão não conseguiu sequer iniciar o processo de aprendizagem, descubra qual é essa razão.

Foi por que não sabia por onde começar? Preguiça? Medo de não conseguir?

Descubra o real motivo de não conseguir aprender o que quer. Identifique quais são suas desculpas: falta de tempo, coordenação motora, déficit de atenção. Investigue a fundo os motivos e descubra se são verdadeiros ou apenas desculpas.

Muitas vezes nos sabotamos quanto ao aprendizado de coisas novas porque temos medo de não conseguir.

É mais fácil dizer “não tenho dom para isso”, do que dizer “não tive o empenho e persistência necessários para aprender”.

Porque no fundo sabemos que é isso que nos falta: persistência, força de vontade.

Nem todo aprendizado é fácil. Alguns parecem impossíveis, de tamanha complexidade que apresentam.

Mas você sabia que tudo pode ser aprendido?

Pode demorar meses, anos ou até mesmo décadas. Se você se dedicar ao estudo de qualquer coisa de maneira consistente (porque no processo de aprendizagem, consistência vale muito mais que intensidade), um dia você aprenderá.

A aprendizagem é uma construção. Se todo dia você colocar um tijolinho em cima de outro que já existe, no final de certo tempo terá um prédio sólido e robusto.

Ilustração de uma lâmpada sendo construída como se fosse um prédio - Aprender coisas novas
Crédito da imagem: Freepik

Por isso, identifique quais são suas travas para aprender coisas novas e destrave-se!

Destrave-se!

A melhor forma de se destravar para aprender coisas novas, é acreditar que você pode.

Desenvolver uma mentalidade de crescimento te abrirá a um novo mundo sem crenças limitantes do tipo: “eu não consigo aprender”, “eu não tenho dom para isso”, “já tentei, mas não consigo”.

Foque em como aprender a fazer coisas novas. Não em arrumar desculpas para não aprender.

Entenda que se não deu certo na primeira vez, pode dar na segunda, terceira ou quarta. Se você persistir nos estudos daquilo que deseja aprender, você vai conseguir.

Só não pode desistir na primeira frustração, no primeiro desafio. Se não deu certo de primeira, reavalie seus métodos, materiais, técnicas.

Não transfira a responsabilidade à sua competência. Insista no aprendizado, se realmente quiser aprender aquilo.

Agora, se você não está conseguindo se dedicar de verdade ao aprendizado, analise se realmente quer aprender aquilo.

Muitas vezes nos metemos em empreitadas apenas para agradar aos outros ou por se tratar de modismos. Se o estudo não está fluindo, tente entender o porquê.

Pode ser que, de fato, aquilo não seja para você. Não porque você não consegue, mas porque você não quer.

Como tornar o aprendizado de coisas novas um hábito

Quer saber como aprender algo novo todos os dias? Então, papel e caneta na mão e anota essas diconas!

Dica #1: Aprenda enquanto procrastina

Sabe aquele horário do dia em que simplesmente não dá mais? Você não consegue se concentrar no trabalho ou nos estudos, sua mente fica divagando em outro universo...

Em vez de correr para as redes sociais e dar aquela checada na vida alheia, aproveite esses minutinhos de procrastinação para aprender algo novo.

Ouça um podcast sobre qualquer assunto, pesquise uma curiosidade sobre algo que você viu recentemente, abra o Quora e passeie por lá.

Assista a um TED Talk famoso, leia uma história em quadrinho, veja um vídeo sobre ciência no Youtube.

Aproveite a internet que está aí, à sua disposição e aprenda algo novo quando estiver procrastinando.

Preencha as horas vazias do seu dia com estudo. Em vez de procrastinar fazendo nada, utilize esses momentos para aprender.

Que seja por 10 ou 15 minutinhos por dia. Já é um excelente começo para tornar o aprendizado de coisas novas um hábito.

Dica #2: Escreva

Sim, caro leitor: escreva. É comprovado cientificamente que escrever ajuda a reter as informações, portanto, escreva.

Quando aprender algo novo, escreva na sua agenda, em um caderno ou arquivo digital.

Já pensou em ter um diário? Tenha um diário só para anotar e, assim, documentar as coisas que você está aprendendo.

Ao final de uma semana você já terá vários tópicos escritos em seu diário, o que, além de ajudar na memorização do que aprendeu, irá te motivar a continuar aprendendo.

Vai por mim. Não tem nada mais motivador do que olhar para um caderno cheio de novos conhecimentos que você adquiriu sozinho.

Dica #3: Converse, ensine e aprenda

Que tal substituir as reclamações sobre o trabalho e família na roda de amigos por troca de conhecimentos?

Conte aos seus amigos algo interesse que aprendeu naquela semana. Escute o que eles têm a te contar e aprenda com eles.

Troquem conhecimentos. Não precisa ser algo sério ou super relevante: conte que aprendeu uma nova forma de fazer uma omelete e que ficou delicioso. Isso também é conhecimento.

Instigue seus amigos a embarcarem nessa jornada com você. Proponha tópicos para discutirem juntos e assim aprenderem com a experiência um do outro. Aprenda a fazer boas perguntas.

Leve o papo de boteco a outro nível. Saia do raso e superficial. Seja uma boa influência para as pessoas que te cercam e também aproveite as boas influências para melhorar.

Por isso, preste muita atenção ao seu ambiente. Entenda que as pessoas que te cercam e o ambiente no qual você vive, influenciam diretamente naquilo que você aprende. É o que chamamos de Social Learning ou Aprendizagem Social.

Dica #4: Mude sua rotina

Se hoje você não aprende coisas novas todos os dias, é claro que precisará mudar sua rotina.

Mas você sabia que, embora a rotina seja boa para sua eficácia e produtividade, ela também impede a criatividade e a aprendizagem?

Por isso, para criar o hábito de aprender coisas novas, procure mudar sua rotina de vez em quando. Faça programas diferentes. Frequente novos lugares. Conheça novas pessoas.

Dessa forma, você desperta sua curiosidade e dá espaço ao interesse em aprender coisas novas.

Experimente ir ao trabalho por caminhos alternativos. Almoce em um restaurante diferente, coma uma comida que nunca experimentou (aproveite para pesquisar no Google sobre ela).

Dica #5: Leia antes de dormir

Ler antes de dormir apresenta diversos benefícios, como melhorar a qualidade do sono e fazer bem para a memória.

Mas, sobretudo, ler antes de dormir é uma forma de garantir que, naquele dia, você vai aprender algo novo.

Seja uma nova palavra, uma curiosidade cultural, um novo personagem de fantasia.

Em toda leitura, algo novo é aprendido, ainda que inconscientemente.

Por isso, criar o hábito de ler antes de dormir, é uma garantia de que você aprenda algo novo todos os dias.

Capriche na escolha da leitura, é claro. Pode ser livro, revista ou artigo, como os da Apetrecho Digital. O importante é que você leia.

Dica #6: Use e abuse do tradutor on-line

A maioria dos conteúdos na internet não está em português.

Se você não fala inglês ou outra língua, não se limite apenas aos conteúdos que estão na nossa língua pátria.

Vá além. Para isso, utilize o tradutor on-line. Além de aumentar a gama de conteúdos aos quais você terá acesso via internet, é uma excelente forma de expandir seu vocabulário em outro idioma.

Fora que aprender línguas é uma das melhores formas de manter sua mente ativa e estimular o aprendizado.

20 ideias de coisas novas para aprender ainda hoje

Até aqui você viu sobre a importância de aprender coisas novas e como fazer  disso um hábito. Mas ainda não conseguiu pensar em coisas importantes para aprender?

Calma! Agora vamos dar 20 sugestões de coisas novas para você aprender.

Importante dizer que, aprender coisas novas, não deve se restringir ao seu trabalho ou área de atuação profissional.

Nem todo aprendizado precisa ser profissionalmente útil. Ele pode ser apenas prazeroso, como cultivar bonsais ou fazer sushi.

Você não precisa aprender somente aquilo que pode usar em outra atividade. Já ouviu falar sobre as trivias?

Trivia é um conhecimento não-essencial, mas que é interessante ter. São curiosidades sobre a língua, cinema, geografia, história, etc.

Aprender trivialidades também pode ser muito interessante!

Presta atenção aí nas sugestões de coisas novas para aprender (ou começar a aprender) ainda hoje:

  1. A história da sua cidade/estado;
  2. Um prato típico de um país que você ainda não conhece;
  3. Um prato típico local;
  4. Como cultivar bonsais/suculentas/plantas que você goste;
  5. A vegetação de onde você mora;
  6. O estilo arquitetônico que predomina na sua cidade;
  7. Um instrumento musical;
  8. Escrever poesia/anedota/crônica/conto;
  9. Libras;
  10. Alguma arte ou artesanato;
  11. Curiosidades sobre sua profissão;
  12. A história de alguém famoso com o nome igual ao seu;
  13. Curiosidades sobre o último filme/série que você assistiu;
  14. Técnicas de produtividade;
  15. Trava-línguas;
  16. Sudoku;
  17. Palavras cruzadas;
  18. Alguma Soft Skill;
  19. Uma música em outro idioma;
  20. Um drink diferente.

Neste artigo você aprendeu como criar interesse por aprender coisas novas e como fazer disso um hábito. Agora conta pra gente, o que você vai aprender hoje?

Baixe grátis:9 dicas poderosas para melhorar seu intelectoConfira 9 dicas realmente eficientes para melhorar o seu intelecto! Descubra como ser mais inteligente adquirindo os hábitos certos e fazendo simples mudanças no seu comportamento.BAIXAR AGORA
Capa eBook
Continue aprendendo
Como ser organizado no trabalho, nos estudos e na vida

Confira dicas rápidas sobre organização para colocar em prática ainda hoje!

Soft Skills
Independência Intelectual: como ser livre de verdade na Era da Informação

O mundo mudou e o ser humano precisa se adaptar. Descubra porque a Independência Intelectual é o melhor caminho para a adaptação à Era da informação.

Aprendizagem