Diferenças entre metas e objetivos: o que você precisa fazer hoje para ter o que deseja amanhã

Todos temos planos e sonhos para nossas vidas.

Alguns têm o sonho de conhecer o mundo todo, como eu. Outros sonham em cursar medicina. Alguns querem ser juízes e outros sonham em morar em outro país.

Qualquer que seja seu sonho, você precisa planejar e executar várias tarefas no caminho que te levam à realização.

As metas e os objetivos são partes diferentes e muito importantes para que você consiga executar essas tarefas.

Para isso, é muito importante entender de forma clara o significado e a importância de cada um, para que assim os planos traçados sejam mais estratégicos e deem mais resultados, com execuções tangíveis e possíveis, dentro da sua realidade.

Leia esse artigo até o final e entenda as diferenças entre metas e objetivos. Tenho certeza que essa compreensão te aproximará do seu objetivo!

“Quando estamos motivados por metas que têm significados profundos, por sonhos que precisam ser realizados, por puro amor que precisa se expressar, então nós vivemos verdadeiramente a vida”.                                    Greg Anderson

Nesse artigo você vai aprender:

O que é um objetivo?

Um objetivo pode ser definido como o ponto final do seu projeto, seu sonho. Se seu sonho é passar em um vestibular, esse também é o seu objetivo.

Ele é mais geral e amplo, pode abranger mais uma coisa ao mesmo tempo.

Por exemplo, se seu objetivo é ter independência financeira, ele engloba ter uma reserva de emergência, investimentos e um emprego que te pague bem.

“Os sonhos são como uma bússola, indicando os caminhos que seguiremos e as metas que queremos alcançar. São eles que nos impulsionam, nos fortalecem e nos permitem crescer”. Augusto Cury

O que é uma meta?

Metas são tarefas realizáveis a curto e médio prazo que te levam ao seu objetivo.

Por exemplo, se seu objetivo é passar em um vestibular de medicina, suas metas devem ser traçadas para que você escolha a faculdade, estude todas as matérias que caem no vestibular, se planeje financeiramente para arcar com os custos da faculdade (mensalidade, se for em uma privada, aluguel se tiver que morar em outra cidade, etc.).

“A essência da diferença está em que o OBJETIVO é um alvo qualitativo, enquanto a META é um alvo quantitativo.” Kleber Nóbrega

Podemos também dizer que as metas são os degraus que te levarão ao seu objetivo final.

Vamos usar como exemplo uma maratona. Se você quer correr uma maratona, não vai conseguir simplesmente chegar no dia da corrida e começar a correr. Não vai aguentar.

Para correr uma maratona de 42 km, você precisa traçar várias metas, que te ajudarão a chegar no seu objetivo final, que é concluir a corrida.

Suas metas poderiam ser traçadas assim:

  • Começar o condicionamento físico;
  • Consultar um nutricionista para ter uma dieta adequada ao treinamento;
  • Pesquisar o melhor tênis e as melhores roupas para a corrida;
  • Treinar em corridas menores para adquirir experiência, como as meia-maratonas;
  • Inscrever-se na maratona.

É importante que você entenda que as metas devem sempre ser temporais, ou seja, o prazo para conclusão deve ser específico, como um ano, seis meses, uma semana.

O objetivo é o que você quer ter, a meta define como alcançar isso.

“Um sonho é apenas um desejo, até o momento em que você começa a atuar sobre ele, e propõe-se a transformá-lo em uma meta”. Mary Kay Ash

Agora que você entendeu as diferenças entre metas e objetivos, que tal conhecer métodos que podem te ajudar a definir as metas para alcançar seus objetivos? Continue lendo!

Como definir uma meta?

O primeiro ponto para definir uma meta é ser realista. Afinal, você não consegue alcançar seu objetivo se não conseguir “subir os degraus” da escada do sucesso.

Ignorar o quanto você consegue realizar em um período determinado de tempo coloca em risco seus resultados e até mesmo sua saúde. Te afasta do seu objetivo por te deixar frustrado, doente ou perdido no meio do caminho.

“Buscar metas impossíveis, tanto quanto almejar metas medíocres, é receita para a infelicidade: o segredo está no equilíbrio”.  Augusto Branco
“Se quer viver uma vida feliz, amarre-se a uma meta, não às pessoas nem às coisas”. Albert Einstein

Você pode utilizar algum método já existente para definir e seguir metas, como o método S.M.A.R.T., 5W2H, PDCA, SWOT ou algum outro que se encaixe melhor com sua rotina.

Para te ajudar nessa jornada de autoconhecimento, vou explicar melhor sobre cada um desses métodos que mencionei. Continue lendo e aprenda como definir suas metas para alcançar seus objetivos!

Método S.M.A.R.T.

Criado por Peter Drucker, pai da administração moderna, este é o método mais popular para estruturar objetivos e metas, tanto para a vida pessoal quanto para a profissional. Também pode ser aplicada para empresas e equipes.

Com este método é possível desenvolver um plano de ação usando estimativas reais e possíveis de serem alcançadas.

O acrônimo S.M.A.R.T. é formado pelas iniciais das palavras Specific (específico), Measurable (mensurável), Achievable (alcançável), Relevant (relevante) e Time-based (baseado em tempo).

S – Specific (Específica)

De acordo com a metodologia, o objetivo que se deseja alcançar precisa ser o mais específico e simples de entender possível.

Ele deve traduzir exatamente o que você deseja alcançar, por exemplo, se você quer viajar, essa parte é para definir exatamente para onde você quer ir.

M – Measurable (Mensurável)

Todo objetivo precisa ser mensurável.

Para saber se ele foi alcançado é preciso contar com algum tipo de medida, por exemplo, se seu objetivo é uma viagem, a parte mensurável é quanto dinheiro você precisa ter.

A – Achievable (Alcançável)

Aqui é preciso que você avalie sua realidade, se você tem o tempo, a disposição e o conhecimento necessários para alcançar o objetivo ou se este se encontra muito fora da sua possibilidade.

Ou seja, a pergunta que você deve fazer neste momento é: estou em busca de um objetivo tangível?

R – Relevant (Relevante)

Este ponto é importante para perceber se seu tempo deve ou não ser aplicado para aquilo que você quer, já que a relevância tem relação com o seu objetivo.

Você deve fazer as seguintes perguntas: este objetivo é realmente relevante para a minha vida? Ele vai me trazer a recompensa que preciso para me sentir realizado?

Assim, você consegue estabelecer se está diante de um objetivo de fato relevante para seu futuro, para sua felicidade, ou se é apenas de um desejo passageiro.

T – Time-based (Baseado em Tempo)

Como foi dito antes, é necessário traçar metas e objetivos pensando no tempo que você quer levar para concluí-los.

O que não tem um prazo específico fica muito abstrato, dificultando sua realização.

Para isso, é fundamental que você estabeleça um tempo para cumprir cada uma das metas que lhe levarão a seus objetivos.

“Estabeleça metas que você pode alcançar, pois se a gente fica querendo o impossível a frustração cedo ou tarde bate na porta. Decida o que você não quer mais na sua vida. Esse é um bom jeito de abrir espaço para tudo aquilo que você sonha. Ou tudo que você nem sabe que deseja”. Clarissa Corrêa

Método 5W2H

Este método é na verdade uma junção de diretrizes que auxiliam e esclarecem tudo o que você precisa desenvolver para que uma meta seja atingida passo a passo.

O nome 5W2H é uma sigla em inglês para “o que”, “por quê”, “onde”, “quando”, “por quem”, “como” e “quanto”.

Para explicar melhor, vou separar a sigla.

5 W:

  • What (o que será feito?) – você deve determinar o que será realizado ao longo do processo, ou seja, suas metas, seu caminho;
  • Why (por que será feito?) – pense no seu objetivo, no seu sonho, este é o motivo principal. Depois analise por qual motivo cada passo é necessário, o que eles somam no final;
  • Where (onde será feito?) – onde você vai realizar sua tarefa? Se for estudar, estabeleça seu local de estudos. Se for treinar para uma maratona, em qual academia, em qual circuito você deseja treinar;
  • When (quando?) – estabeleça um cronograma com dias e horários específicos, assim é mais fácil cumprir com o que deve ser feito. Estabeleça prazos para cumprir cada atividade;
  • Who (por quem será feito?) – aqui serão determinados os atores deste processo, ou seja, aqueles que irão colocar a mão na massa e fazer o passo a passo para que tudo saia do papel e tome forma.

2H:

  • How (como será feito?) – aqui deve-se determinar como cada passo do processo será colocado em prática por seus responsáveis;
  • How much (quanto vai custar?) – e finalmente, porém não menos importante, quais serão os custos de cada ação que envolve as metas.”

Método PDCA

O ciclo PDCA é um método iterativo usado para controle e melhoria. É uma ferramenta que representa um ciclo de ação dentro de um projeto. Este ciclo consiste em:

  • Plan (Planejar) - Estabeleça seus objetivos e metas, planeje as ações necessárias e o modo como serão realizadas;
  • Do (Fazer) - Estude de acordo com o planejamento e registre os resultados obtidos. Utilize um diário de estudos para anotar resultados de simulados, por exemplo;
  • Check (Checar/verificar) - Analise os registros dos resultados obtidos. Tente identificar os pontos fortes e as deficiências nos seus estudos. Faça relatórios semanais a partir do seu diário e cronograma;
  • Act (Agir) - Reforce e padronize as ações que deram resultados positivos e corrija as negativas.

Feito isso, o ciclo reinicia com um novo planejamento e novas metas.

Método SWOT

A Matriz SWOT também é um dos métodos mais simples e úteis para entender e melhorar sua rotina de estudos.

O termo SWOT é o acrônimo para Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats que quando traduzimos para o português temos a sigla FOFA que significa Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças.

Trata-se de um diagnóstico a partir da definição de pontos positivos e negativos:

  • Strenghts (Forças) - Elenque seus pontos fortes, suas vantagens, como por exemplo, sua facilidade em aprender matérias exatas;
  • Weaknesses (Fraquezas) - Pense em suas fraquezas e desvantagens, como a preguiça ou dificuldade de concentração;
  • Opportunities (Oportunidades) - Observe as forças externas que te auxiliam ou quais você pode tirar vantagem, como um bom amigo que pode te ajudar em alguma matéria, ou seu acesso a um ótimo material;
  • Threats (Ameaças) - Observe quais as forças negativas que podem te atrapalhar, pode ser tanto uma pessoa que te tira do foco até o local onde você estuda, que pode ser muito barulhento.

Dicas Bônus

Para te ajudar ainda mais, separei algumas dicas para auxiliar na hora de obter uma boa execução das suas metas:

1. Foco

Essa é uma das estratégias mais importantes, já que estar focado significa estar comprometido com o trabalho. É ainda evitar distrações, se concentrando naquilo que almeja.

“Se olhar para o alvo já nos dá prazer, imagine quando atingirmos as metas sem ter perdido o foco do mesmo.” Paulo Samuel

2. Disciplina

Dizem que pessoas que têm essa característica, têm a chave do sucesso, já que essa representa o esforço, a determinação e a vontade de alcançar o sonho. É também o atributo que te impulsiona a lutar por aquele objetivo e meta. É perseverar em busca do desejado.

“Disciplina é a ponte entre metas e realizações”. Jim Rohn

3. Dedicação

Esta é de suma importância, pois está ligada a qualidade da atividade, ou seja, o fato de a pessoa se propor a fazer aquilo da melhor forma possível, para assim alcançar seu sonho.

“O sucesso nasce do querer, da determinação e persistência em se chegar a um objetivo. Mesmo não atingindo o alvo, quem busca e vence obstáculos, no mínimo fará coisas admiráveis”. José de Alencar

4. Confiança

É muito importante também saber que você é capaz de conseguir. Afaste o medo da derrota. Busque sempre crescer, pois o único responsável pela conquista é você. Confie que tudo dará certo.

5. Feedback

Questione-se sobre o modo em que está trabalhando para que seu objetivo seja alcançado.

Você está no caminho certo? Está obtendo resultados? Existe alguma coisa que precisa ser modificada ou melhorada? Sem esse acompanhamento é muito fácil perder o foco e a motivação.”

“Sem sonhos, a vida não tem brilho. Sem metas, os sonhos não têm alicerces. Sem prioridades, os sonhos não se tornam reais. Sonhe, trace metas, estabeleça prioridades e corra riscos para executar seus sonhos. Melhor é errar por tentar do que errar por se omitir!” Augusto Cury

Independentemente da área em que buscamos melhorar, todos nós precisamos estabelecer metas e objetivos, seja na vida pessoal ou na profissional.

Isso porque são eles que fazem com que tenhamos motivação diária para levantar da cama e viver um dia de cada vez. Sem um objetivo, ficamos perdidos.

As metas, sonhos e objetivos, fazem parte de uma espécie de pacote, capaz de nos tornar seres cada vez mais realizados em nossa trajetória.

É por meio da concretização de cada um deles que conseguimos experimentar a sensação da felicidade em nossa jornada evolutiva.

Sendo assim, é fundamental ter clareza do que queremos alcançar e de que maneira vamos atingir os sonhos e objetivos que traçarmos rumo à nossa própria felicidade, uma vez que esta tarefa cabe somente a nós mesmos e a mais ninguém.

Agora que você entendeu as diferenças entre metas e objetivos e conheceu vários métodos para definição destes, que tal colocar em prática? Trace seus objetivos e metas ainda hoje! Não deixe para amanhã.

Baixe grátis:9 dicas poderosas para melhorar seu intelectoConfira 9 dicas realmente eficientes para melhorar o seu intelecto! Descubra como ser mais inteligente adquirindo os hábitos certos e fazendo simples mudanças no seu comportamento.BAIXAR AGORA
Capa eBook
Continue aprendendo
Você não precisa saber de tudo!

Relato de uma estudante que aprendeu a duras penas que a certeza não existe.

Comportamento
Para fazer o seu melhor, use a regra dos 85%

Vá devagar para alcançar coisas maiores.

Comportamento